Com tecnologia do Blogger.

Sismos em Portugal- Entrevista

by - agosto 17, 2017

E hoje, acordei pela primeira vez a sentir um Sismo. Teve o seu epicentro em Sobral de Monte Agraço, uma localidade próxima de onde moro, atingindo a magnitude de 4.3 na escala de Richter.

Nunca tinha sentido medo, de nada assim, mas, confesso que os segundos que durou, obrigou e a querer saber  mais. 
O Google não me satisfaz. É - me difícil entender todos os termos técnicos, então, decidi falar com um amigo de já uns anos, o Professor Catedrático Pedro Proença Cunha da Universidade de Coimbra,  um cientista e perito em Geologia, e não só. 
 M- Foi sentido hoje, na zona Oeste, um Sismo de magnitude 4.3 na escala de Richter. Portugal está preparado para um Sismo de maior magnitude?
P-Sou cientista não membro do governo ...
M-(risos) 
P-Pessoalmente acho que não. 
M-Mas sabe com certeza os estragos que um Sismo pode provocar. Com maior conhecimento que nos, leigos.
P-A maioria da população não saberá como agir e entrará em pânico. A proteção civil portuguesa não tem experiência nem a necessária formação para fazer socorro face a sismos violentos
Há muitas obras civis mal edificadas ou a precisar de manutenção, que ruirão. 
M-Cada vez que se fala do terramoto de 1755 ouço alguém dizer que ainda virá um pior que esse. Especulação ou tem razão de ser essa afirmação?
P-Tenho a certeza que ocorrerá um outro igual ou maior que o de 1755, mas ainda não se consegue saber a data. 
M-Epicentro em Lisboa? Ou a afectar Portugal... Sem saber o sítio?
P-A zona mais provável em que ocorrerão os sismos violentos e no mar a SW de Cabo S. Vicente. Mas também poderão ocorrer em terra, nas falhas activas (vale do Tejo, Vilarica, etc). 
M-A atividade sísmica está normal? Há algum factor que influencie um aumento desse fenómeno da natureza?
P-O que sei dos meus estudos é que a compressão intraplaca está a aumentar, o que leva a sismos mais intensos mais frequentes.
M-E por último... O que fazer em caso de Sismo violento?
P-Se o teu apartamento está bem construído não deves temer danos nele. Se sentires abanos muito fortes deves tentar vir para a rua, para onde não te caia nada em cima!




You May Also Like

0 comentários

Obrigada pelo teu comentário!