Fall

E de repente, o Sol foi embora e tudo parece ter perdido a luz de antigamente.
Nada é como quando cá estavas.
Tudo parece cinzento e vazio, e o amanhã, parece não fazer sentido, se não mais te vejo.
Recordo a tua voz, enquanto me pedem que esqueça, que finja que nada aconteceu, no entanto, sinto estar a viver um pesadelo , do qual não posso acordar.
Não pensei que o fim posse possível, não agora, não tu que parecias ter o meu Mundo na tua mão.
Deixas- me quando mais preciso, após magoas constantes das quais só relembras as que te fizeram mossa, fechando os olhos a tudo aquilo que suportei.
Mas, um dia, o céu voltará a ficar azul.
As estrelas do céu ganharão novamente o brilho de outrora, e o Sol, irradiará uma Luz que aquecerá o meu coração, agora destruído por ti.
Nem todas as pessoas nasceram com a capacidade de amar, talvez por temerem o sofrimento, a traição, ou por misturarem o ego e darem mais importancia ao que parece que o que é.
" À mulher de Cesar não basta se-lo, há que parece-lo".
Continua a viver de aparências, que eu continuo a ser eu, na minha essência, espontaneidade e intensidade.
Sou mais Amor que Ego.
Mais emoção que razão.

Partilha isto:

Sobre a autora:

Chamo-me Marta, e sou apaixonada pela escrita e pelo mundo da beleza. Em 2013 , após um curso de maquilhagem profissional decidi juntar os meus dois amores, criando este blogue. Gosto de escrever despudoradamente sobre tudo. Maquilhagem, cuidados com a pele, estética, cirurgia plástica e saúde no geral, assim como partilho aqui algumas das minhas crónicas em que abordo tudo o que é possível e imaginário. Venham daí, conhecer o meu Mundo!

1 comentários

Obrigada pelo teu comentário!