Sociedade que dorme

É revolta que sinto quando aos 37 anos me deparo com cada vez mais noticias de assassinatos de jovens e mulheres em primeiras páginas de jornais.
Irão dizer que sempre houve, é certo. 
A tendencia, segundo a evolução do homem, seria que a violência, tendo em conta que faz parte de uma falta de principios e valores do ser humano, fosse sendo extinguida ano apos ano da face da terra, com a educação, apoio psicológico, psiquiatrico, o que necessário fosse para que individuos com todo o tipo de personalidade desenquadrada, pudesse ser sinalizado.
Tambem é sabido que grande parte dos ofensores não tem qualquer comportamento que indicie antes da prática criminosa que tal possa ocorrer, ou , o mais corrente ainda, as vitimas escondem que sofrem maus tratos .
Mas, mais grave que tudo isso, é a passividade que a sociedade em geral observa no dia a dia o desfecho de cada caso.
Comentam nas redes sociais, mostram alguma indignação e fica-se por aí. Vendem -se mais uns jornais, a imprensa agradece, são chamados uns criminologistas e psicologos à televisão que tentam explicar o inexplicável e fica tudo em "aguas de bacalhau". O individuo é preso e anos depois sai por bom comportamento.



Andamos todos acomodados.Habituámo-nos a aceitar que se ceifem vidas humanas de animo leve. Não pode ser!
Vejo no feed das redes sociais pessoas perderem a cabeça, ofenderem-se por qualquer coisa que se passe na casa dos segredos ( confesso que nunca vi, não porque tenha algo contra, mas não me quis viciar, tendo em conta que tenho muito pouco tempo livre) e num caso de assassinato , que pode ocorrer a qualquer um de nós , a um familiar, quando menos esperamos, vejo lamentos, e depressa se esquecem do ocorrido ate que uma ou duas semanas depois ocorra o proximo.
Não é toleravel o tipo de prioridade que damos a situações como estas!
As penas deviam ser revistas, mas a nossa atitude perante a falta de revisão da mesma é muito importante!
Temos que ter um papel activo na sociedade! Protestando, seja da maneira que for!
Criando imagens contra a violencia, contra os assassinatos no nosso país, fazendo que a memoria das vitimas não seja esquecida, com abaixo assinados que perpetuem a luta por uma justiça mais eficaz, celere e efectiva para quem atenta contra pessoas que mal nenhum fizeram!
A Sociedade portuguesa tem que acordar!



Partilha isto:

Sobre a autora:

Chamo-me Marta, e sou apaixonada pela escrita e pelo mundo da beleza. Em 2013 , após um curso de maquilhagem profissional decidi juntar os meus dois amores, criando este blogue. Gosto de escrever despudoradamente sobre tudo. Maquilhagem, cuidados com a pele, estética, cirurgia plástica e saúde no geral, assim como partilho aqui algumas das minhas crónicas em que abordo tudo o que é possível e imaginário. Venham daí, conhecer o meu Mundo!

7 comentários

  1. Enquanto não existirem medidas realmente severas, nunca haverão alterações! Enquanto houverem essas 'saídas antes de tempo por bom comportamento', jamais a justiça será realmente respeitada. É triste que sejam sempre inocentes as vítimas desta espécie. Infelizmente, para esses não há volta a dar! Perdem a vida nas mãos de cobardes. Este Mundo vai de mal a pior e enquanto não forem aplicadas as devidas sentenças, hão-de sempre existir mais casos destes!

    ResponderEliminar
  2. Violência, falta de civismo, egoísmo, intolerância, ganância e malvadeza infelizmente existem cada vez mais! penso muito vezes neste assunto Marta! Podera podermos mudar as mentalidades....em parte isto é o fim do mundo, a fugir pelas nossa mãos. O HOMEM se auto-destrói!

    ResponderEliminar
  3. as meninas da minha terra, querem fazer um site ou pagina onde fikem identificados os agressores, mas sei k vai levantar mts questões, mas que era uma rica ideia, era, ficarem marcados e conhecidos como os pedófilos na USA...

    ResponderEliminar
  4. Eu já disse para mim mesma "não te atrevas sequer a deixar que alguém te rebaixe ou te levante a mão".. Parada não fico nunca mais!!!

    ResponderEliminar
  5. O HOMEM esta cada vez pior, sociedade cada vez pior. As vezes tenho medo da sociedade onde vivo. tenho medo que algo me aconteça..... As pessoas que matam por maldade, por doença deviam ser punidas da pior forma possivel, todos os dias ha um acto destes. Triste muito triste mesmo

    ResponderEliminar
  6. O que mais me incomoda é que esses assassinos/agressores/violentadores foram criados numa família, que raio de família não transmite aos seus o valor da vida humana e o respeito pelo próximo?! Isto faz-me uma tremenda confusão!

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário!